HomeNossa HistóriaArtigosFotosVideosNotícias
MinistériosDownloadsCadastre-seFale ConoscoLocalização
 
 
 COLUNISTAS
   Carla Alecrim
   Dom Alberto Taveira
   Dom Sérgio Eduardo Castriani, CSsP
   Frei Sebastião F., ofmcap
   Frt. Inácio da Trindade, sjs
   Ivanildo Jr
   Lucimar Maziero
   Padre Flávio Sobreiro
   Papa Bento XVI
   Papa Francisco
   Papa João Paulo II
   Pe. João Evangelista, sjs
   Pe. Micael de Moraes, sjs
   Ronnei Peterson
 
 CATEGORIAS
   **Mostrar tudo
   **Artigo
   **Bispos
   **Espiritualidade
   **Formação
   **Formação Humana
   **Liturgia Diária
   **Ministérios
   **Notícias
   **Papa
   **Raio-x do Servo
   **RCC
   **Sacerdotes
   **Santo do Dia
   **YouCat
 
Artigo: Como se chamará o Papa?
Subtítulo: Joseph Ratzinger manterá o título de Bento XVI explica porta-voz Vaticano
Data: 15/02/2013
Categoria: **Notícias

VATICANO, 15 Fev. 13 / 10:08 am (ACI/EWTN Noticias).- O diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Padre Federico Lombardi, explicou que logo depois de sua renúncia ao pontificado que será efetiva a partir do dia 28 de fevereiro às 8:00 p.m., hora de Roma, Joseph Ratzinger ainda poderá ser chamado "Bento XVI" porque "isso não muda e evidentemente não pode mudar".

Em conferência de imprensa na manhã de hoje e consultado sobre como se chamará o Papa uma vez que deixe de sê-lo, o sacerdote explicou que "não há claridade" mesmo sobre o fato se ele será "Bispo Emérito de Roma".

Sobre a questão do nome que escolheu após sua eleição como sucessor de São Pedro, o porta-voz do Vaticano, disse: "penso que se pode dizer que Bento XVI é um título ao qual não pode renunciar: é seu nome como Papa, que levou para toda a Igreja e por todo mundo oficialmente por oito anos (…) Isto não muda e evidentemente não pode mudar".

O porta-voz do Vaticano se referiu também ao clima de distensão, serenidade e alegria do Papa Bento XVI na Missa de Quarta-feira de Cinzas na Basílica de São Pedro, a última celebração litúrgica pública presidida pelo Santo Padre.

"A maestria, a lucidez e a serenidade de seu discurso nos tocou muito, também a mim, ontem à noite, tocou-me muito seu sorriso, enquanto saía da celebração. Acredito que todos o notamos".

"O sorriso com que o Papa concluiu a celebração, logo depois desse extraordinário aplauso… Ainda quando se diz que este tempo (a Quaresma) não é um tempo para aplausos na Igreja. No entanto parecia que esse aplauso não ia terminar nunca!"

Sobre o que acontecerá no dia 28 de fevereiro, o Padre Lombardi explicou que Mons. Georg Gaenswein, que segue sendo Prefeito da Casa Pontifícia e as "memores domini", consagradas que se ocupam do serviço cotidiano do Papa, acompanharão o Papa a Castel Gandolfo e logo ao Vaticano.

As "memores domini" são quatro leigas consagradas do movimento Comunhão e Libertação que ajudam na Casa Pontifícia.

O Padre Lombardi indicou ademais que "os cardeais que cheguem ao Vaticano" só serão hospedados na Casa Santa Marta a partir do 1º de março, e confirmou que o conclave começará entre o dia 15 e 20 do mês: "a data exata será comunicada durante a sede vacante".


Fonte: ACI Digital
Voltar para página de artigos
Comentários

Nome(requerido)

Email(requerido)




mais comentários clique aqui ...
Todos os direitos reservados a Invictos Tecnologia
Versão 1.0.0.89