HomeNossa HistóriaArtigosFotosVideosNotícias
MinistériosDownloadsCadastre-seFale ConoscoLocalização
 
 
 COLUNISTAS
   Carla Alecrim
   Dom Alberto Taveira
   Dom Sérgio Eduardo Castriani, CSsP
   Frei Sebastião F., ofmcap
   Frt. Inácio da Trindade, sjs
   Ivanildo Jr
   Lucimar Maziero
   Padre Flávio Sobreiro
   Papa Bento XVI
   Papa Francisco
   Papa João Paulo II
   Pe. João Evangelista, sjs
   Pe. Micael de Moraes, sjs
   Ronnei Peterson
 
 CATEGORIAS
   **Mostrar tudo
   **Artigo
   **Bispos
   **Espiritualidade
   **Formação
   **Formação Humana
   **Liturgia Diária
   **Ministérios
   **Notícias
   **Papa
   **Raio-x do Servo
   **RCC
   **Sacerdotes
   **Santo do Dia
   **YouCat
 
Artigo: Levantai-vos Nação Brasileira
Data: 27/02/2013
Categoria: **Notícias

O Encontro Nacional de Formação para Coordenadores e Ministérios é uma grande oportunidade para que as lideranças do Movimento possam partilhar a Palavra de Deus e orarem juntos, buscando direcionamentos para as atividades do Movimento para o ano que começa. Nos intensos momentos de oração e prática dos carismas, Deus concede à RCC profecias, que devidamente confirmadas e discernidas, ajudam a nos guiar pelos caminhos de Jesus.
 
Durante o ENF 2013, uma Moção Profética foi recebida e confirmada. Leia e tome posse.
 
 
PROFECIA:
“Levantai-vos Nação Brasileira. Este é o novo tempo, um tempo de batalha, mas também um tempo de vitória! Despi-vos de todo o pecado, de toda a arrogância, inveja, ciúmes e vanglória, pois o que tens vem de Mim, não são méritos vossos, mas graças que Eu vos dou, para servires aos irmãos na hora necessária. Se forem dóceis ao meu Espírito e humildes de coração, verão nesta Nação e por entre as Nações a minha glória!”
“Eu vos convoco, amigos, a serem em vossos corações como crianças, e que a confiança de criança, que tudo crê ser possível, seja alimento para suas ações, transformando-vos assim em guerreiros do meu Reino, com bravura e com o carinho e amor de crianças.”
“Não foi em vão que morri na Cruz, Eu vos chamei para que derrameis suor e sangue por Mim, pelo meu Reino, pelos meus amados.”
 
PALAVRAS DE CONFIRMAÇÃO:
Tb 4, 13-23 – “Guarda-te, meu filho, de toda a fornicação: fora de tua mulher, não te autorizes jamais um comércio criminoso. Nunca permitas que o orgulho domine o teu espírito ou tuas palavras, porque ele é a origem de todo o mal. A todo o que fizer para ti um trabalho, paga o seu salário na mesma hora: que a paga de teu operário não fique um instante em teu poder. Guarda-te de jamais fazer a outrem o que não quererias que te fosse feito. Come o teu pão em companhia dos pobres e dos indigentes; cobre com as tuas próprias vestes os que estiverem desprovidos delas.Põe o teu pão e o teu vinho sobre a sepultura do justo; mas não o comas, nem o bebas em companhia dos pecadores. Busca sempre conselho junto ao sábio. Bendize a Deus em todo o tempo, e pede-lhe que dirija os teus passos, de modo que os teus planos estejam sempre de acordo com a sua vontade. Faço-te saber também, meu filho, que quando eras ainda pequenino, emprestei a Gabael de Ragés, cidade da Média, uma soma de dez talentos de prata, cujo recibo tenho guardado comigo. Procura, pois, um meio de ir até lá para receber o sobredito peso de prata, restituindo-lhe o recibo. Procura viver sem cuidados, meu filho. Levamos, é certo, uma vida pobre, mas se temermos a Deus, se evitarmos todo o pecado e vivermos honestamente, grande será a nossa riqueza.”
 
II Ts. 3, 3 – “Mas o Senhor é fiel, e ele há de vos dar forças e vos preservar do mal.”

Eclo 44, 20-23 – “Abraão é o pai ilustre de uma infinidade de povos. Ninguém lhe foi igual em glória: guardou a lei do Altíssimo, e fez aliança com ele. O Senhor marcou essa aliança em sua carne; na provação, mostrou-se fiel. Por isso jurou Deus que o havia de glorificar na sua raça, e prometeu que ele cresceria como o pó da terra. Prometeu-lhe que exaltaria sua raça como as estrelas, e que seu quinhão de herança se estenderia de um mar a outro: desde o rio até as extremidades da terra.”

Is 35, 1-10 – “O deserto e a terra árida regozijar-se-ão. A estepe vai alegrar-se e florir. Como o lírio ela florirá, exultará de júbilo e gritará de alegria. A glória do Líbano lhe será dada, o esplendor do Carmelo e de Saron; será vista a glória do Senhor e a magnificência do nosso Deus. Fortificai as mãos desfalecidas, robustecei os joelhos vacilantes. Dizei àqueles que têm o coração perturbado: Tomai ânimo, não temais! Eis o vosso Deus! Ele vem executar a vingança. Eis que chega a retribuição de Deus: ele mesmo vem salvar-vos. Então se abrirão os olhos do cego. E se desimpedirão os ouvidos dos surdos; então o coxo saltará como um cervo, e a língua do mudo dará gritos alegres. Porque águas jorrarão no deserto e torrentes, na estepe. A terra queimada se converterá num lago, e a região da sede, em fontes. No covil dos chacais crescerão caniços e papiros. E haverá uma vereda pura, que se chamará o caminho santo; nenhum ser impuro passará por ele, e os insensatos não rondarão por ali. Nele não se encontrará leão, nenhum animal feroz transitará por ele; mas por ali caminharão os remidos, por ali voltarão aqueles que o Senhor tiver libertado. Eles chegarão a Sião com cânticos de triunfo, e uma alegria eterna coroará sua cabeça; a alegria e o gozo possuí-los-ão; a tristeza e os queixumes fugirão.”
 
 
DISCERNIMENTO:
O Senhor nos promete um tempo novo, de graças abundantes, mas é preciso uma conversão sincera de cada um de nós, uma renúncia radical às coisas do mundo que ainda estão presentes em nossas vidas. É preciso fazer um levantamento profundo de tudo aquilo que ainda não é de Deus em nós, em nossas vidas e, a partir daí, abandonarmos estas coisas velhas com a ajuda do Espírito Santo.
 
O Senhor tem nos falado insistentemente em nos desvencilharmos do orgulho e da arrogância. O orgulho é a origem de todo o mal, como nos diz a Palavra de Tobias. O Senhor nos pede um coração puro, humilde, submisso a Ele, dócil ao seu Espírito. Fidelidade à aliança feita com Ele. Meditar a Sua Lei.
 
Nesta Palavra de Tobias, Ele nos fala ainda de como Ele quer que nos relacionemos com os outros. Virtude Moral da Justiça.
 
Pedir a Deus que dirija nossos passos para que nossos planos estejam sempre de acordo com a Sua vontade.
 
O Senhor fala em tempo de graça, mas também em tempo de batalha, de provação da fé, de martírio pelo Seu Reino, pela missão.
 
Se isso fizermos a água irá correr no deserto em nossa vida pessoal, nos Grupos de Oração de nosso País, em nossa missão, em tudo o que nos envolve.
 
PASSOS ESPIRITUAIS:
1)      Levantamento pessoal daquilo que não está de acordo com a vontade de Deus em nossa vida;
2)      Firme propósito e trabalho de conversão com a ajuda do Espírito Santo;
3)      Cuidar para não ser tomado pelo orgulho, pela arrogância;
4)      Cultivar um coração de criança, puro, humilde, dócil ao Espírito Santo;
5)      Meditar e guardar a Lei do Senhor;
6)      Cuidar do relacionamento com os outros: que seja baseado na Virtude Moral da Justiça;
7)      Procurar alinhar nossos planos à vontade de Deus;
8)      Fortalecer as mãos desfalecidas e robustecer os joelhos vacilantes: recobrar o ânimo pessoal, a parresia, a fé expectante.
9)      Estar preparado para a batalha, para a provação da fé, para o martírio.
10)   Crer, tomar posse e desfrutar da Água Viva correndo em nossas vidas pessoais, em nossos Grupos de Oração, em nossos Ministérios, em tudo o que nos envolve.


Fonte: RCC Brasil
Voltar para página de artigos
Comentários

Nome(requerido)

Email(requerido)




mais comentários clique aqui ...
Todos os direitos reservados a Invictos Tecnologia
Versão 1.0.0.89